Notícias

Árbitro Insulta Equipa De Fc Porto

Para o treinador do fc porto: o equérito que foi aberto é uma vergonha

Sérgio Conceição revelou os acontecimentos no final do jogo em Braga. «Processo ao Portimonense? Acho que é uma vergonha. É uma vergonha esse inquérito que se abriu a um treinador e a uma equipa»

«É um espelho do futebol português. Há muita gente que vai atrás do que é falado diariamente. Isto tem atingido um nível muitíssimo baixo. Ver árbitros a responderem a jogadores, a insultarem…parece que chama enganador ao Taremi, ao Francisco (Conceição) pergunta ‘hoje não caíste’? Ao engenheiro (Luís Gonçalves), depois de o expulsar, diz-lhe: ‘Agora mete uma providência cautelar’.»

«Vamos ser claros: não tem a ver com a honestidade intelectual deste árbitro. Eu não fui expulso, não vi amarelo sequer. Se lhe dissesse alguma coisa, na hora ele expulsava-me. Olho para isto e não há como contrariar um relatório de um árbitro, eles estão numa redoma. Viu-se há pouco com o Pepe. Não há uma imagem, mas não há hipótese, não há maneira de nos defendermos. Quem é que pode intervir? O Sindicato de Jogadores, pode olhar para aquilo e intervir? Os jogadores foram insultados em Braga. Ninguém fala disso, só falam do comportamento do Sérgio Conceição e do engenheiro Luís Gonçalves. Isso também é importante, por vezes cometemos excessos, mas há muita coisa à volta», acrescentou, não poupando críticas a Hugo Miguel.

Num final de conferência que fez recordar José Mourinho, Sérgio Conceição despediu-se assim: «Contra isso, contra tudo isso, nós vamos fazer tudo para ganhar, para ganhar. Volto a referir, para ganhar!»

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo