Futebol

O Jogador Táremi

Carlos Carvalhal foi técnico do iraniano no Rio Ave, e revela que o Taremi já estaria na Inglaterra

O jornal notícia au minuto avança que o Carlos Carvalhal concedeu uma extensa entrevista à edição desta terça-feira do jornal espanhol Marca, na qual alertou o Atlético de Madrid para os perigos que Mehdi Taremi poderá representar, no jogo da última jornada da fase de grupos da Liga dos Campeões, diante do FC Porto.

O treinador português orientou o internacional iraniano durante a passagem pelo Rio Ave, e afirmou: “É muito completo. Lê bem o jogo, dá assistências, tem qualidade, finalização, velocidade… É um falso lento. Tem o físico de um jogador robusto, mas pica como uma serpente”.

“Ele tinha todas as condições para triunfar na Europa. O potencial dele, com todo o respeito era superior ao do Rio Ave. Só precisou de um pequeno período de transição ao nível do jogo coletivo e da transição defensiva. Em Ambos os aspetos, evoluiu bastante”, prosseguiu.

“Fez uma temporada incrível. Foi o avançado que mais duelos defensivos ganhou e acabou melhor marcador, com 18 golos. Daí o interesse de FC Porto, Benfica…”, completou, assumindo que chegou mesmo a tentar levá-lo para o Sporting de Braga.

Carlos Carvalhal disse, ainda, acreditar que o avançado não ficará por aqui: “Está subvalorizado. Talvez por ter chegado muito tarde à Europa, com 27 anos. Se tivesse vindo para o Rio Ave com 22 anos e para o FC Porto com 24, agora, estaria a jogar em Inglaterra, Itália ou Espanha”.

“No futebol atual, não há grandes goleadores. Por isso, acredito que, apesar de ter 30 anos, ele poderia sair para um grande clube, apesar de o FC Porto já o ser. Não sei o que ele tem na cabeça, porque não falei com ele, mas sei que, no passado, tinha a ambição de jogar em Inglaterra ou Espanha”, completou.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo