Notícias

Pagamento Ao Sporting

Lille perde recurso e vai ter de pagar Leão ao Sporting

O TAD português já condenou o avançado a indemnizar o Sporting em 16,5 M€, valor que com juros já supera os 20 M€, mas falta a Câmara de Resolução de Disputas da FIFA determinar que valor cabe ao jogador e ao Lille pagarem aos leões

O Lille viu rejeitado pelo Tribunal Federal da Suíça o recurso que apresentara com o objetivo de contestar a decisão do TAS (Tribunal Arbitral do Desporto, sediado em Lausana) que, em fevereiro, condenara o emblema francês a ser co-solidário com Rafael Leão no pagamento da indemnização ao Sporting, pelo facto do agora avançado do AC Milan ter rescindido unilateralmente, em 2018, o contrato que o ligava aos leões, após o ataque à Academia de Alcochete.

A decisão com data de 22 de agosto, e entretanto publicada no site do tribunal suíço, considera a contestação “improcedente”, responsabilizando ainda o Lille pelo pagamento das custas processuais (cerca de 57 mil euros), tendo também de indemnizar as partes intimadas, Rafael Leão e o Sporting, em cerca de 67 mil euros cada.

Rafael Leão, recorde-se, assinou em agosto de 2018 pelos dogues e foi transferido para o AC Milan, por 29,5 M€, um ano depois. Em 2020, o TAD (Tribunal Arbitral do Desporto português) deu razão à queixa do Sporting apresentada contra o jogador e fixou em 16,5 milhões de euros o valor da indemnização que, entretanto, já supera os 20 M€ com juros de mora. Posteriormente, o TAS deu também razão aos leões e condenou o Lille.

Contudo, falta ainda ser decidido pela FIFA o valor final da indemnização a que o Sporting terá direito e que percentagens caberão ao Lille e a Leão pagarem. Caberá à Câmara de Resolução de Disputas (DRC) do organismo sediado em Zurique tomar essa decisão, sendo certo que pode determinar um valor igual, inferior ou superior ao já determinado pelo TAD. De qualquer forma, o Sporting irá sempre receber, no mínimo, a quantia a que Rafael Leão foi condenado a pagar em Portugal. No caso da DRC da FIFA sancionar uma indemnização inferior, o valor remanescente será da exclusiva responsabilidade do internacional português, de 23 anos.

Refira-se ainda que desde maio que Rafael Leão tem 20 por cento do seu salário penhorado para pagar a dívida ao Sporting, por decisão de um tribunal de Milão.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo