Futebol

Rubim Amorim Declara Na Imprensa

Declarações de Rúben Amorim na antevisão do Sporting-Portimonense, partida da sexta jornada da Liga Bwin

A mini-crise: “Não foi há muito tempo. Com o Chaves estava tudo mal. Podemos voltar ao mesmo momento. Mantivemos o que estávamos a fazer. O Eintracht criou mais problemas frente ao Adán e desta vez não marcaram. Tiveram mais oportunidades do que outras equipas, que nos ganharam antes. Temos de conseguir a terceira vitória consecutiva.”

Ugarte e Morita em gestão: “O Sotiris ainda precisa de se ambientar à posição. Não vai ser titular amanhã ainda. Temos de proteger os jogadores. É esse processo que estamos a fazer. Vamos construir um jogador.

A época de Ádan: “Nunca o senti pressionado. A exibição que fez mostrou o que fez nas últimas duas épocas. Sempre olhei para o Adán da mesma forma, é mais um dia normal para salvar quando a equipa precisa. Está mais feliz hoje do que nas semanas anteriores.”

Edwards na frente: “Já tínhamos confirmado que ele é uma solução para avançado. Não foi a melhor exibição dele, foi a mais vistosa. Agora todos falam dele, mas já sabíamos que ele podia dar isto. Temos o Arthur, que no Estoril já jogou ali e que pode baralhar os adversários.”

A qualidade de jogo: “Temos de melhorar a nossa forma de jogar. Temos de evitar sofrer golos, estamos mais felizes, mas os problemas são os mesmos. Vai voltar a haver ansiedade em Alvalade. O público vai ficar ansioso e temos de aprender com os erros, porque não estamos bem a tabela. Vamos ter de ter cuidado com os erros, que continuam a existir. Sem sofrer golos ficamos mais perto de vencer.”

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo