Futebol

Simeone Cita Conceição E Fala De Félix

Declarações de Diego Simeone antes do FC Porto-Atlético de Madrid, partida da derradeira jornada da fase de grupos da Liga dos Campeões

Não será o último jogo de Champions: “O importante é estar preparado para qualquer momento. A ilusão é continuar a trabalhar no clube, estar na Champions na próxima época, porque é esse objetivo. Temos de pensar sempre jogo a jogo e viver dia a dia.”

Jogar a Liga Europa: “Ensinaram-me a competir sempre. E amanhã temos a oportunidade de ir jogar a Liga Europa. Para isso é preciso estar forte, visualizá-lo e querê-lo. Ficámos fora da Champions, mas temos a oportunidade de jogar a Liga Europa e também é uma prova importante”

Momento mais difícil no Atlético: “O que chateia mais é por toda a gente que trabalha ao longo destes anos, as pessoas que estão connosco e com os jogadores. E que podiam ter feito melhores as coisas. Se não estamos na Champions, é porque não fizemos alguns coisas bem. Mas do lado competitivo não tenho nada a apontar. Eu estou pronto para competir, mas ensinaram-me que também posso perder. Ganhar é mais bonito, mas perder é um dos três resultados. Dói-nos ficar fora da Liga dos Campeões. Ainda por cima pelo que esperavam de nós. Mas é a realidade e contra ela não podemos ir. Temos de estar juntos, fortes para que amanhã possamos mostrar em campo, não com mais palavras, o que sentimos.”

Sobre João Félix: “Kondgbia e Morata querem jogar com o FC Porto, mas vamos ver como se levantam amanhã. Como disse o Sérgio Conceição, não há muito tempo para trabalhar, é difícil treinar e temos de ser mais teóricos. Se tocar ao João Félix jogar de início, que seja o futebolista que foi nesses 30 minutos [marcou dois golos na derrota, por 3-2, em Cádiz]. O campo fala e, quando assim é não há muito mais a dizer”.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Verifique também
Fechar
Botão Voltar ao topo